quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Meus sonhos de infância


Sonhos... Ah! Meus sonhos! Quantos já tive? Muitos? Não... “Muito” ainda é pouco para descrever tal quantidade. Todos bem diferentes, mas com uma única coisa em comum: foram jogados no lixo como simples folhas de papel...
Já sonhei em ser tantas coisas: dentista; florista; veterinária; bióloga; bióloga marinha; tratadora de tartarugas; psicopata; professora de geografia, de história, de matemática; chefe de cozinha; astronauta; costureira; policial; cientista renomada ou odiada, tanto faz; mafiosa; drogada...
Já sonhei em ser casada com um rico, com um príncipe, com um estrangeiro, com alguém daqui mesmo ou simplesmente ninguém...
Já sonhei em ter filhos... Muitos filhos... Poucos filhos... Nenhum filho...
Já sonhei em viajar o mundo. Vagar por ai. De moto, de carro e, até mesmo, a pé. Mas também já sonhei em ficar sossegada por aqui mesmo, sem “bater as asas” para nenhum lugar...
Já sonhei com tantas coisas, que não me lembro de quase nada. Não sei se ainda tem um pouquinho desses sonhos aqui dentro de mim. Talvez sim, talvez não... Mas a certeza é que ainda sonho em ser feliz.


Barbara Marcondes,  1°EM D

2 comentários:

  1. Assim acontece o que antes foi sonho!
    Abraço

    ResponderExcluir
  2. Vc realizará todos os seus sonhos... vc merece.

    ResponderExcluir